TV Mundo Maior A filosofia pode consolar? - Filosofando - TV Mundo Maior

A filosofia pode consolar? – Filosofando

A filosofia pode consolar? – Filosofando


Programas:
Filosofando
Data: 03/08/2018
Temas: Programas

A filosofia pode consolar? A filosofia espírita nos mostra que existe uma vertente de conhecimentos que vai nos aliviar plenamente na fase evolutiva em que atravessamos. Mas como a filosofia pode ser atuante em nosso dia dia? Pode ela ter um papel positivo na busca humana de uma existência harmônica, pacificada e feliz? Saiba mais sobre esse tema no Filosofando.

Parte 1

 

Parte 2

 

Seis dicas para iniciantes na Doutrina Espírita

O espiritismo é uma doutrina baseada no tripé dos conhecimentos filosófico, científico e moral (religioso). Ela foi codificada em meados do século XIX pelo pedagogo francês Hippolyte Léon Denizard Rivail, conhecido como Allan Kardec.

Os principais livros para a doutrina são: O Evangelho Segundo o EspiritismoO Livro dos Espíritos; Céu e Inferno; A Gênese, O Livro dos Médiuns e O que é o Espiritismo?

Muitas vezes as pessoas acabam conhecendo a doutrina e frequentando as casas espíritas em momentos difíceis em suas vidas. A dificuldade é uma das formas de chegar até Deus. Para os iniciantes segue abaixo seis dicas ou informações básicas para familiarizar com o espiritismo:

 

Doutrina Reencarnacionista

O espiritismo crê na reencarnação como forma de aprimoramento moral e intelectual. Afinal, por meio de experiências aos longo de muitas vidas é possível aprender, mesmo que gradativamente, valores importante com a finalidade de purificar seu espírito com amor, tarefa muito difícil.

Os sofrimentos são Provas e Expiações que passamos para acelerar o progresso. Acredita-se também nos vários mundos dentro do infinito do universo. Se não evoluirmos aqui, será em outros planetas. Esse processo faz parte da misericórdia de Deus, que não interfere em seu livre arbítrio.
O fator que explica a necessidade das encarnações como aprendizado é a Lei de Causa e Efeito. Todas as suas ações irão gerar reações, para você e para as pessoas próximas. Esta última justifica a necessidade da família como auxiliares da evolução coletiva, um ajuda o outro no caminho do progresso.

 

Espíritos existem

Primeiramente, o espiritismo não só acredita, como sua codificação é baseada na comunicação com a espiritualidade superior. Em suma, a reencarnação explica a existência do espírito e sua eternidade.

Quando desencarnamos nos encontramos na erraticidade, ou mundo espiritual, nele continuamos a agregar conhecimento em busca da elevação.

É através dos médiuns que é feita a comunicação com os espíritos. Assim, um dos médiuns mais conhecidos é Chico Xavier. Por meio da psicografia, um tipo de mediunidade, ele escreveu mais de 400 livros ditados pelos espíritos.

 

Prática da Caridade

A máxima “Fora da caridade não há salvação” – Evangelho Segundo o Espiritismo, Cap. XV – refere-se ao amor ao próximo que devemos sempre praticar através da caridade.

A ajuda material não é a única forma de caridade. A palavra, o gesto de carinho, a ajuda moral; elas também são formas de caridade. Suas práticas devem ser puras, ou seja, sem intenções de benefício próprio ou vaidade.

 

Comprometimento com os Estudos

Para alcançar a evolução, assim como um objetivo acadêmico, é necessário estudo, muito estudo. Assim, através dos livros e do conhecimento que exercitamos a moralidade e a intelectualidade.

Para os iniciantes na Doutrina dos Espíritos é indicado fazer o Evangelho no Lar, ela é a leitura do Evangelho Segundo o Espiritismo em sua casa, com a família. Peça orientações em uma casa espírita de confiança para iniciar esse processo.

 

Poder do Perdão

A prática do perdão, assim como a da caridade, deve receber sua atenção. Além disso, as mágoas e raivas são sentimento ainda primitivos ativados pelos instintos. É necessário amar, até mesmo seu inimigo.

As energias negativas atraem ainda mais conflitos. Perdoe, somos todos irmãos vivendo juntos na casa de Deus Pai.

Jesus nos deixou o ensinamento de perdoar setenta vezes sete, bem como o perdão não deve ter um limite, assim como o amor.

 

Amor

Sim, o Amor. Agente fundamental na evolução desse mundo e dos espíritos que nele estão.

Devemos amar à Deus, ao nosso próximo e tudo em nossa vida. Ame as dificuldades e os problemas, ame os amigos e os inimigos. Desta forma, ame o mundo.

Em suma, o amor é a energia mais forte para transformar o interior de todos os espíritos. Então Ame.

 

Conheça também a Doutrina pelos meios de comunicação da FEAL – Fundação Espírita André Luiz. Rádio Boa Nova e TV Mundo Maior.

 

A filosofia pode consolar? Veja vídeo acima.

Comments

comments


WhatsApp
Clique aqui