Solidão, um mal do século | Ação 2000

Solidão foi o tema escolhido para a discussão da equipe do programa Ação 2000, transmitido pela Rádio Boa Nova. Os comunicadores Patrícia Fernandes, Roseli Garcia, Tarcísio Basílio e Carlos Scaramuzza se basearam em uma notícia do Estadão e no Livro “História Da Solidão E Dos Solitários”.

Ouça o programa completo no áudio abaixo: 

A princípio Carlos Scaramuzza explica que a solidão é o sentimento de não pertencer ao mundo que nos cerca, não conseguir criar vínculos ou nos identificar com o próximo. 

Entre as causas da solidão estão a dificuldade para se relacionar com outras pessoas, medo de ser julgado e ainda o vazio existencial. Tarcísio Basílio acrescenta que a solidão é uma aspecto interno do ser humano e que é preciso debatermos sobre solidão e suicídio. 

Confira mais sobre esse debate no áudio acima. 

 

Solidão e a vida em sociedade  

 

É preciso compreender, portanto, que o ser humano é um ser que necessita da sociedade para progredir. Mas quando encontramos um ser imbuído na solidão, conseguimos perceber que há uma ruptura da essência natural do espírito. 

Quando os aspectos da sociedade são os maiores flagelos do indivíduo, percebermos que a contribuição dos ser, uns com os outros, está com deficiências. Mas podemos ao menos entender o valor do coletivo na evolução individual do ser. 

Entretanto, o inverso também se torna relevante. Quanto mais seres completos consigo mesmo, mais fácil será o convívio e a troca de experiências com o coletivo. Um ser desconectado de si pode encontrar maior dificuldade na aproximação dos demais e assim como um trabalho em grupo no colégio, os integrantes acabam por não aprenderem. 

A comunicação consigo mesmo na busca do autoconhecimento pode ser um grande passo para combater a solidão. Temos assim também a comunicação como impulso do aprendizado coletivo. Mas é fundamental buscar auxílio médico especializado, como psicólogos. 

Evoluir é cuidar da saúde em seus múltiplos aspectos: físico, emocional e espiritual. 

 

Ouça também:

Mediunidade e seu compromisso espiritual – Na Próxima Edição

Escrito por: Ricardo Guelfi de Souza

Estudante de Jornalismo na Universidade Anhembi Morumbi. Assistente de Mídias Sociais na TV Mundo Maior. 

 

Você gostou deste conteúdo?

Todo o conteúdo produzido pela Fundação Espírita André Luiz é aberto e gratuito e, com a sua ajuda, sempre será.

Ao todo são transmitidas 180 horas mensais de programas ao vivo e 240 horas mensais de programas inéditos através de nossos canais de comunicação: Rádio Boa Nova, Tv Mundo Maior e Portal do Espírito. Nós acreditamos que o acesso aos ensinamentos da doutrina espírita muda o mundo, mas manter uma estrutura deste porte é muito caro, por isso a importância do apoio de nossos leitores.

Quando você apoia iniciativas como a nossa, você faz com que pessoas que não podem pagar pela informação continuem tendo acesso a ela.

Ajude o espiritismo a alcançar mais pessoas

Apoie essa causa <3

deixe um comentário

WhatsApp chat