Visão espírita da homossexualidade – Dualidade

Todos nós iremos passar pelas experiências encarnatórias em polaridades do masculino ou feminino. Dessa forma, qual a importância da psicoterapia nesse momento de transição? Quais as dificuldades enfrentadas por quem expõe sua opção sexual para seus familiares? Qual a visão espírita da homossexualidade nos dias de hoje? Assista agora a resposta para estas e outras perguntas no Dualidade, com Celina Sobral.

 

 

Homossexualidade na visão espírita

Essa semana tivemos uma polêmica muito grande acerca da decisão de um juiz do Distrito Federal favorável a um grupo de psicólogos que reivindicam a chamada “cura gay”. Essas terapias são proibidas pelo Conselho Federal de Psicologia (CFP), desde o ano de 1999. Além disso, no ano de 1990, a Organização Mundial da Saúde (OMS) retirou a Homossexualidade da lista internacional de doenças. O CFP e a Ordem dos dos Advogados do Brasil (OAB), já se pronunciaram contra e vão recorrer da decisão.

O espiritismo é uma doutrina que não possui dogmas, ou seja, princípios indiscutíveis. Ela prega o aprendizado constante em ciclos de experiências. A doutrina codificada por Allan Kardec é também baseada na filosofia, ciência e religião, que juntas são capazes de nos esclarecer e nos ensinar da melhor forma possível o caminho do progresso moral.

No obra, O Livro dos Espíritos, a pergunta de número 200 nos esclarece um ponto principal para a questão: Têm Sexo os Espíritos?

“Não como entendeis, pois o sexo depende da organização. Há entre eles amor e simpatia, mas baseados na concordância dos sentimentos.”
Grandes nomes na doutrina dos espíritos no Brasil nos esclarecem algumas questões fundamentais. Raul Teixeira é um deles e usa a seguinte frase a se referir sobre o amor:

“O amor não vê a morfologia, o amor ama.”

Divaldo Franco ao falar sobre a Homossexualidade diz que a conduta moral em um relacionamento é aquela que não tem agressões, vulgaridade, mesquinhez e promiscuidade, sendo está última associada erroneamente de forma quase que exclusiva para se referir sobre homossexuais.

A palavra promíscuo tem dentro do significado sexual a compreensão do indivíduo que mantém relação sexual com muitos parceiros. O médium acrescenta que essas condutas podem partir de ambos os sexos. Divaldo ainda nos diz que a homossexualidade é uma experiência evolutiva, não sendo nem uma doença e nem castigo divino, e que a perversão da conduta sexul pode partir sim de uma pessoa Heterossexual, como explica na seguinte afirmação:

“O uso que cada um faz que dará a dignificação ou o desvio de conduta moral.”

Francisco Cândido Xavier, Chico Xavier, em entrevista ao programa Pinga Fogo da extinta TV Tupi, respondeu à algumas perguntas sobre o tema Homossexualidade. Ele diz ser uma condição da alma humana e que não deve ser considerado como fenômenos espantosos e atacáveis pelo ridículo da humanidade. Confira um outra afirmações do médium:

“Tanto como acontece com a maioria que desfruta de uma sexualidade dita normal, aqueles que são portadores de sentimentos de homossexualidade ou bissexualidade são dignos do nosso maior respeito.”

Portanto, é fundamental aprendermos a compreender e respeitar, pois a intolerância é um mal do indivíduo que ataque etnias, sexualidade, religião, apenas com a certeza de que suas convicções são a verdade absoluta dentro de qualquer sociedade. Bom, basta apenas estudarmos a história para podermos perceber todas as tragédias causadas pelo homem motivado pela intolerância e ignorância.

Em suma, Deus é amor, criador de todas as criaturas que nos presenteou com nossa singela existência, ainda em evolução. O amor pode se manifestar em todos nós, pois somos a criação Dele. Aprenda a amar e doar o seu a amor a todos. Além disso, o Papa Francisco nos disse:

“Se uma pessoa é gay, busca Deus e tem boa vontade, quem sou eu para julgá-la?”

Dica de leitura: Acesse MundoMAior e conhece o romance, Um Amor Diferente, sobre homossexualidade.

Fonte (clique aqui).

m

Você gostou deste conteúdo?

Todo o conteúdo produzido pela Fundação Espírita André Luiz é aberto e gratuito e, com a sua ajuda, sempre será.

Ao todo são transmitidas 180 horas mensais de programas ao vivo e 240 horas mensais de programas inéditos através de nossos canais de comunicação: Rádio Boa Nova, Tv Mundo Maior e Portal do Espírito. Nós acreditamos que o acesso aos ensinamentos da doutrina espírita muda o mundo, mas manter uma estrutura deste porte é muito caro, por isso a importância do apoio de nossos leitores.

Quando você apoia iniciativas como a nossa, você faz com que pessoas que não podem pagar pela informação continuem tendo acesso a ela.

Ajude o espiritismo a alcançar mais pessoas

Apoie essa causa <3

deixe um comentário

WhatsApp chat