Comer carne antes dos trabalhos na casa espírita? – Pronto Atendimento

Uma pergunta recorrente, foi o tema do Pronto Atendimento de hoje: Comer ou não carne no dia do trabalho na Casa Espírita? Acompanhe os comentários de Valter Farid Julio, Núbia Polatti e José Damião.

Leia também:

Os Trabalhos de Desobsessão devem ser Abertos ou Fechados?

Os Trabalhos de Desobsessão devem ser Abertos ou Fechados?

No Espiritismo existem alguns conceitos básicos para permitir um perfeito entendimento:

Obsessão: ligação mental negativa entre dois seres; que podem estar encarnados ou desencarnados.

Obsessão pode ocorrer em três níveis: simples, fascinação e subjugação.

*simples: o obsessor causa apenas um pequeno mal-estar

*fascinação: o obsessor produz uma ilusão e causa um  mal-estar generalizado.

*subjugação: o obsessor já paralisa a vontade do obsediado.

Desobsessão: Tratamento nas casas espíritas de pessoas que estão sofrendo essas

ligações.

Equipe de desobsessão: grupo de tarefeiros de uma casa espírita que se reúnem para eliminar essa ligação mental entre os seres.

Assistidos: pessoas (encarnadas ou desencarnadas) com problemas que para se livrarem desse elo negativo procuram a casa espírita.

Por que é aconselhado que os trabalhos de desobsessão não sejam abertos ao público? E por que em muitos casos nem aos assistidos (encarnados) no momento do trabalho mediúnico?

O público:

Certamente é um trabalho que requer uma harmonização, preparo do ambiente, concentração da equipe e muito amor. Portanto, a participação do público  estaria interferindo, inclusive mediunicamente no bom resultado a ser alcançado, pois poderia acontecer interferências.

Além disso, poderíamos ter no público pessoas com mediunidades ostensivas. Assim, elas poderiam se envolver, mediunicamente nos trabalhos de Desobsessão, com os assistidos desencarnado, pois isso poderia desviar o foco do trabalho e a reunião perderia o controle e o resultado

Os assistidos

Também não é aconselhável  a participação dos assistidos encarnados  no momento das manifestações mediúnicas.Pois além do envolvimento mediúnico, a possibilidade de causar uma “forte  impressão” de estar achando que tudo está ligado ao seu problema e esse assistido poderá sair do ambiente com mais cargas negativas ainda, descaracterizando assim o objetivo do trabalho.

Portanto, não seria caridoso com nossos irmãos sofredores (assistidos espirituais) colocá-los frente a frente com o obsediado, pois isso poderia ocasionar uma “invertida”  nos resultados, além de que poderíamos perder completamente o controle da situação.

m

Você gostou deste conteúdo?

Todo o conteúdo produzido pela Fundação Espírita André Luiz é aberto e gratuito e, com a sua ajuda, sempre será.

Ao todo são transmitidas 180 horas mensais de programas ao vivo e 240 horas mensais de programas inéditos através de nossos canais de comunicação: Rádio Boa Nova, Tv Mundo Maior e Portal do Espírito. Nós acreditamos que o acesso aos ensinamentos da doutrina espírita muda o mundo, mas manter uma estrutura deste porte é muito caro, por isso a importância do apoio de nossos leitores.

Quando você apoia iniciativas como a nossa, você faz com que pessoas que não podem pagar pela informação continuem tendo acesso a ela.

Ajude o espiritismo a alcançar mais pessoas

Apoie essa causa <3

deixe um comentário

WhatsApp chat