É possível saber em qual encarnação estamos?

É possível saber em qual encarnação estamos?É possível saber em qual encarnação estamos?

Antes de abordarmos este assunto, vamos relembrar qual o objetivo e necessidade da encarnação. 

Allan Kardec, em o Livro dos Espíritos, nos ensina que a encarnação tem como objetivo fazer com que o espírito saia de sua condição de simples e ignorante para chegar a perfeição, ou seja, para se tornar espírito puro. 

Deus a impõe com o fim de levá-los à perfeição: para uns, é uma expiação; para outros, uma missão. Mas, para chegar a essa perfeição, eles devem sofrer todas as vicissitudes da existência corpórea; nisto é que está a expiação. A encarnação tem ainda outra finalidade, que é a de pôr o Espírito em condições de enfrentar a sua parte na obra da Criação. É para executá-la que ele toma um aparelho em cada mundo, em harmonia com a matéria essencial do mesmo, a fim de nele cumprir, daquele ponto de vista, as ordens de Deus. E dessa maneira, concorrendo para a obra geral, também progredir. (O Livro dos Espíritos, questão 132)

Kardec, completou:

Os Espíritos que, desde o princípio, seguiram o caminho do bem têm necessidade da encarnação?

Resp: Todos são criados simples e ignorantes e se instruem através das lutas e atribulações da vida corporal. Deus, que é justo, não podia fazer feliz a uns, sem penas e sem trabalhos, e por conseguinte sem mérito. (O Livro dos Espíritos, questão 133)

Ou seja, Deus não criou uns simples e ignorantes e outros não, Ele nos criou de forma igual para que busquemos as nossas próprias conquistas. E ainda, estamos sempre passando por várias encarnações espirituais para buscarmos a perfeição espiritual. Por isso, nascemos e morremos quantas vezes for preciso.

É possível saber em qual encarnação estamos?

Segundo Maria Izilda Netto, no programa Sem Dúvida, é difícil dizer porque depende de várias situações para que nós avancemos em nossa jornada evolutiva. 

A comunicadora completou, 

A encarnação ou reencarnação não tem limites nitidamente definidos. A passagem dos espíritos pela vida corpórea serve para que eles possam cumprir, por meio de uma ação material os desígnios, cuja execução Deus lhe confia. Então, a reencarnação depende do cumprimento ou não dessas missões. Assim, não se pode precisar o número de reencarnações que uma pessoa já teve.

Espíritos evoluídos 

Para completar o assunto, Maria Izilda, abordou também a questão dos espíritos mais evoluídos e menos evoluídos. 

Alguns espíritos evoluem mais rapidamente devido ao seu esforço, com isso, reencarnam menos. Já outros, são mais lentos, permanecendo mais tempo e muito vezes nas existências corpóreas. Portanto, tudo dependerá de nós, quanto mais rápido progredirmos moral e intelectualmente menos encarnações teremos que passar.

E finalizou:

Quando nosso espírito estiver alcançado todos os graus de evolução moral e intelectual seremos espíritos puros e não mais precisaremos reencarnar.

Quer saber mais sobre o assunto? Confira o programa Sem Dúvida, da TV Mundo Maior:

Você gostou deste conteúdo?

Todo o conteúdo produzido pela Fundação Espírita André Luiz é aberto e gratuito e, com a sua ajuda, sempre será.

Ao todo são transmitidas 180 horas mensais de programas ao vivo e 240 horas mensais de programas inéditos através de nossos canais de comunicação: Rádio Boa Nova, Tv Mundo Maior e Portal do Espírito. Nós acreditamos que o acesso aos ensinamentos da doutrina espírita muda o mundo, mas manter uma estrutura deste porte é muito caro, por isso a importância do apoio de nossos leitores.

Quando você apoia iniciativas como a nossa, você faz com que pessoas que não podem pagar pela informação continuem tendo acesso a ela.

Ajude o espiritismo a alcançar mais pessoas

Apoie essa causa <3

leave a reply

WhatsApp chat