Dicas para ser mais criativo no centro espírita

Manhã Boa Nova

De que forma a casa espírita pode exercer a criatividade na divulgação da Doutrina Espírita? Quem é criativo: o corpo ou o espírito? Por que alguns dirigentes espíritas não exercem a criatividade e sempre repetem padrões? Allan Kardec foi um homem criativo? Projeto Cartas de Kardec – Para colaborar www.catarse.me/cartasdekardec Coluna Ecologia e Espiritismo com André Trigueiro. Com os comentários de Fernanda Fernandes e Alexandro Chazan.

Leitura complementar

Como devemos divulgar a doutrina espírita?

Mesmo em tempos modernos, o espiritismo não é muito divulgado. Os espíritas não assumem a sua religião o que prejudica a sua difusão.

Não estou pedindo para que fiquemos insistindo nesse assunto com as outras pessoas e forçando-as a frequentarem uma casa espírita. Mas mostrar para elas a nossa religião, de um jeito bem prático que é o exemplo.

Afinal, dar o exemplo não é a melhor forma de incentivar as pessoas, mas sim a única!

Mostre para as pessoas ao seu redor as coisas boas que a doutrina te trouxe, os benefícios que existem, ensinamentos adquiridos, a paz em ter uma fé raciocinada, o melhoramento espiritual, a compreensão em aceitar que tudo que nos é dado é por merecimento, seja coisas boas ou ruins, o plano espiritual onde os espíritos de luz estão sempre prontos para nos ajudar em qualquer situação, as caridades que são feitas e como isso te ajudou a ter mais humildade.

Faça a sua reforma íntima, melhore as suas atitudes, procure não apontar os erros de ninguém, mas sim facilitar a vida delas, quando alguém estiver passando por alguma dificuldade estenda a sua mão e fale alguma palavra amiga, esse é o segredo da divulgação espírita. Não é ganhar seguidores mas sim formar pessoas melhores. Com compaixão, amor, caridade e paciência, chegaremos todos juntos no mesmo lugar.

Afinal como diz Emmanuel: “Estudemos Allan Kardec, ao clarão da mensagem de Jesus Cristo, e, seja no exemplo ou na atitude, na ação ou na palavra, recordemos que o Espiritismo nos solicita uma espécie permanente de caridade – a caridade da sua própria divulgação”.

Texto publicado em 27 de dezembro de 2017.

 

Você gostou deste conteúdo?

Todo o conteúdo produzido pela Fundação Espírita André Luiz é aberto e gratuito e, com a sua ajuda, sempre será.

Ao todo são transmitidas 180 horas mensais de programas ao vivo e 240 horas mensais de programas inéditos através de nossos canais de comunicação: Rádio Boa Nova, Tv Mundo Maior e Portal do Espírito. Nós acreditamos que o acesso aos ensinamentos da doutrina espírita muda o mundo, mas manter uma estrutura deste porte é muito caro, por isso a importância do apoio de nossos leitores.

Quando você apoia iniciativas como a nossa, você faz com que pessoas que não podem pagar pela informação continuem tendo acesso a ela.

Ajude o espiritismo a alcançar mais pessoas

Apoie essa causa <3

deixe um comentário

WhatsApp chat