A morte de uma galáxia

Fenômeno UFO

De acordo com estudos feitos na Austrália, cientistas acompanham a morte de duas galáxias anãs próximas a Via Láctea. Mas como esse processo ocorre? Qual a relação desse acontecimento com a falta de hidrogênio nesses locais? Acompanhe essa notícia e muito mais no Fenômeno UFO com Luiz Ricardo Geddo!

Leitura complementar

Fenômeno Ufo explica a intrínseca relação do espiritismo e a ufologia

Os ouvintes e telespectadores da Rádio Boa Nova (RBN) e da TV Mundo Maior, têm a oportunidade de conversar e desbravar os principais e mais recentes casos ufológicos que ocorrem no Brasil e no mundo e como eles se ligam a doutrina espírita, com o programa Fenômeno Ufo. A atração vai ao ar, sempre ao vivo, todos os sábados às 13h.

De acordo com o produtor e locutor do programa, Luiz Ricardo Geddo, 62, a iniciativa nasceu com a intenção de levar ao conhecimento do público fatos novos e históricos da ufologia que estão ligados diretamente ao espiritismo.

“Nosso objetivo é unir a ciência e o espiritismo. Parte dos conceitos científicos e mediúnicos foram esquecidos. As pessoas, de fato, estudam a filosofia da doutrina, o que é bom, mas temos também que atualizar os temas para ligar o passado ao futuro. Inclusive, Allan Kardec nos disse isso em suas obras”, afirmou Geddo, em entrevista a RBN.

Geddo ambiciona desmitificar a ciência com estudos aprofundados, porém, numa linguagem mais coloquial e acessível. “Primenramente, lemos os e-mails dos ouvintes e telespectadores e respondemos as dúvidas de forma simples. Mas sempre acrescentamos detalhes técnicos dos objetos voadores não identificados, por exemplo”, afirmou o comunicador. Além disso, os ouvintes podem mandar qualquer pergunta para o apresentador.

Apresentador seleciona suas perguntas

“Não faço distinção de qual mensagem que será lida. Gosto de responder qualquer questão, não seleciono os assuntos”, afirmou o locutor, que escreve seu roteiro do programa à mão. Com isso, o Fenômeno Ufo mostra o quanto os fenômenos de extraterrestres estão se popularizando no país. Em suma, só no seu programa, são mais de 700 visualizações no YouTube todos os sábados.

Geddo nasceu em 10 de janeiro de 1956, no bairro de Santana, em São Paulo. Os pais de Geddo eram espíritas. Mas o garoto começou a ter contato com a filosofia ao iniciar estudos de fenômenos extraterrestres, em 1985.

Antes disso, não era ligado a nenhuma religião. Tornou-se educador e entusiasta do ensino sobre ufologia, tendo sido várias vezes convidado para dar palestras sobre o assunto.

Durante toda sua carreira, dedica-se inteiramente ao ensino da ciência e do espiritismo. Os relatos de sua família sobre acontecimentos ufológicos deram origem ao seu interesse em seres de outros planetas.

Sua mãe, por exemplo, declara que avistou uma nave extraterrestre no mar na Alemanha, em meados de 1914 ( durante a Primeira Guerra Mundial). Ele também é autor de várias publicações em revistas de ufologia. Além, de ter uma formação em Economia, é especialista em arqueologia, parapsicologia, ufologia e telepatia.

Todas as histórias de relatos de outros planetas são revelados no Fenômeno Ufo, atração apresentada por ele na emissora espírita desde 2001. Os interessados em participar do programa, podem mandar e-mails para ouvinte@feal.com.br.

Portanto, para os ouvintes e telespectadores da RBN e da TV Mundo Maior, Geddo deixa uma mensagem de esperança na evolução da fé raciocinada a todos:

“Estude sempre. Desta forma, você saberá o significado da vida, que nada mais é do que uma experiência física do espírito”, finalizou.

Texto publicado pela RBN em 17 de outubro de 2017. 

Você gostou deste conteúdo?

Todo o conteúdo produzido pela Fundação Espírita André Luiz é aberto e gratuito e, com a sua ajuda, sempre será.

Ao todo são transmitidas 180 horas mensais de programas ao vivo e 240 horas mensais de programas inéditos através de nossos canais de comunicação: Rádio Boa Nova, Tv Mundo Maior e Portal do Espírito. Nós acreditamos que o acesso aos ensinamentos da doutrina espírita muda o mundo, mas manter uma estrutura deste porte é muito caro, por isso a importância do apoio de nossos leitores.

Quando você apoia iniciativas como a nossa, você faz com que pessoas que não podem pagar pela informação continuem tendo acesso a ela.

Ajude o espiritismo a alcançar mais pessoas

Apoie essa causa <3

leave a reply

WhatsApp chat