TV Mundo Maior Corrente do bem no Brasil salva venezuelana com marca-passo - TV Mundo Maior

Artigos

Corrente do bem no Brasil salva venezuelana com marca-passo

Enviado em 19 de abril de 2017 | Publicado por TV Mundo Maior

(Michele e Luciana – Foto: reprodução / Fantástico -TVGlobo)

Uma verdadeira corrente do bem, abraçada por vários brasileiros, salvou uma jovem da Venezuela que precisava trocar seu marca-passo, ou morreria a qualquer momento.

Michele, uma cabeleireira de 27 anos, usa marca-passo cardíaco, mas a bateria dele estava acabando e ela precisava trocar com urgência, para que o aparelho continuasse estimulando o coração a bater. Michele estava impossibilitada de comprar a bateria na Venezuela, país que por causa da crise política e econômica está faltando até mesmo comida e inclusive fornecedores do aparelho.

A sorte de Michele foi conhecer pela internet Luciana Alves, uma brasileira de Minas Gerais, com 42 anos, que também usa marca-passo e criou um blog exatamente para ajudar pessoas que usam o aparelho.

Michele pediu socorro e Luciana abraçou a causa. Seis meses depois veio a primeira ajuda. Uma empresa brasileira aceitou doar um marca-passo novinho, que custa R$ 15 mil. A segunda ajuda foi do médico de Luciana, o cardiologista Roberto Costa, médico paulistano que aceitou fazer a cirurgia de graça. Roberto foi em busca da equipe fazer o trabalho voluntário: anestesista, assistente, instrumentador, ou seja, quem  aceitasse operar nessas condições.

Dr. Roberto fez mais: Ele também pediu à direção do hospital Augusto de Oliveira Camargo, em Indaiatuba, no interior de São Paulo, para fazer a cirurgia sem cobrar.

Dia 29 de Março Michele chegou a São Paulo. A passagem foi paga com dinheiro arrecadado com parentes e amigos dela. As duas foram para o interior de São Paulo, local da cirurgia, com ajuda financeira dada pelos pais de Luciana.

No próprio local da cirurgia outra pessoa abraçou o projeto da corrente do bem: Gilmar de Oliveira, um psicólogo aposentado que também é portador de marcapasso e cedeu a casa dele para as duas ficarem.

Dia 30 de Março Michele foi internada. No dia seguinte, depois do esforço de tantos desconhecidos para ajudar a jovem venezuelana, ela finalmente fez a cirurgia para trocar o marca-passo. Emocionada, Michele voltou para casa na última segunda-feira, 10 de abril, e agradeceu muito a Luciana, a quem prometeu amizade eterna.

“Você sempre vai estar em nossas orações, em nossos agradecimentos e em cada momento de felicidade da minha família.” Diz Michele.

(Fonte: http://g1.globo.com/)

Para saber mais sobre outro assunto relacionado ao tema, assista:

Curas e Tratamentos Naturais – Ciência e Espiritualidade

Parte 1

Parte 2

Parte 3

 

Comments

comments

Deixe seu comentário:


Clique aqui