TV Mundo Maior O Evangelho Segundo o Espiritismo - Por que Jesus falava por Parábolas? - TV Mundo Maior

Evangelho e Reforma Íntima

O Evangelho Segundo o Espiritismo – Por que Jesus falava por Parábolas?

Enviado em 7 de fevereiro de 2018 | Publicado por TV Mundo Maior

Quantas explicações damos às crianças por meio de metáforas e histórias lúdicas?

Faz-se necessário para facilitar o entendimento de certas questões, mas também para outras situações não serem entendidas no período da infância.   

Há um ciclo na vida de todo indivíduo, no qual o conhecimento vai sendo adquirido gradualmente de acordo com o amadurecimento. Tratando-se de uma escala ampliada, a existência imortal do espírito, a erudição e o esclarecimento dependerão do grau de elevação moral e principalmente intelectual.  

Jesus falava por parábolas, não para dificultar o entendimento, mas para que na época ele fosse interpretado apenas pelos preparados. Jamais seria sua intenção impedir a compreensão de seu irmãos, porém se Jesus falasse claramente ninguém o entenderia.

Suas parábolas e explicações seriam transmitidas e interpretadas ao longo da história, de acordo com o amadurecimento do povo. Infelizmente são muitos os indivíduos de má fé que utilizam da ignorância do vulgo, aliada com as parábolas para recriar interpretações as quais lhes serviriam de base para o controle social.

Por longos séculos o povo não teve acesso as escrituras bíblicas. Os textos eram escritos em latim, o povo era analfabeto e os poucos que sabiam ler eram membros do próprio clérigo que transmitiam suas interpretações de modo a defender seus interesses e manter uma estrutura social sem mobilidade.

Alinhados a ciências e filosofias, os conhecimentos e reflexões contribuíram para o desenvolvimento de novas tecnologias e os avanços sociais. Ao longo da história, e após muitas lutas, o direito de liberdade e de livre pensamentos foram assegurados.

A Doutrina Espírita contribui para a elucidação de questões consideradas obscuras em outrora. O Evangelho Segundo o Espiritismo apresenta as parábolas e as esclarece, exemplifica e interpretando as metáforas.

Para uma fé racional é necessário muita leitura e reflexões próprias acerca dos textos bíblicos, como as parábolas. Com o alcance da perfeição e a evolução suprema os espíritos irão, um dia, conhecer e desfrutar de toda  verdade do universo.

 

Para saber mais sobre o assunto, assista:

Por que Jesus falava através de parábolas?

Fontes: O Evangelho Segundo o Espiritismo, Cap. XXIV. Imagem ilustrativa retirada de espiritoimortal.

*Este texto é de responsabilidade de seu autor. Não representa necessariamente a opinião da TV Mundo Maior.

Escrito por: Ricardo Guelfi de Souza

Estudante de Jornalismo na Universidade Anhembi Morumbi. Estagiário de Marketing na TV Mundo Maior.

 

Comments

comments

Deixe seu comentário:


Clique aqui