Artigos

Alzheimer – Visão Espírita

Enviado em 23 de setembro de 2016 | No programa: Boletim Espírita | Publicado por TV Mundo Maior

Alzheimer tem como sintomas a demência e a perda de funções cognitivas como a memória, atenção e linguagem. Mas qual a origem dessa doença, ela vem da mente ou da alma Espiritualmente falando é possível a prevenção? Veja o que o psicólogo e estudioso espírita Ildo Rosa diz sobre este assunto.

Alzheimer Origem

 

Ildo Rosa nos fala sobre Causas alzheimer e que o espiritismo não demoniza nada. Devemos saber que a doença é algo que nos convida a refletir e elaborar sobre como estamos vivendo.

Existe sim a possibilidade de nos prevenir do Alzheimer, devemos estar sempre em vigilância, e nos questionando sempre, sobre o que estamos pensando, para manter a nossa faixa vibratória com coisas boas, a saúde começa de dentro para fora.

Combater a doença não é necessariamente compreender a doença, a gente pensa que que você viu alzheimer que não fosse você está numa casa toda iluminada e de repente você vai apagando cada cômodo apagando apagando.

normalmente as pessoas que vão pra este diagnóstico, elas têm uma vontade muito grande de começar a esquecer as coisas que fizeram e valores que cultivaram ao longo da vida, foram se dando conta que a colheita era muito pesada né muito desagradável.

O que eu fiz

O que eu fiz isso, eu não respeitei Meu pai minha mãe, fiz coisas erradas na empresa.
A maturidade faz você pensar sobre isso, é o esforço da pessoa faz para ir apagando esses registros e que não saber lidar com eles por não se perdoar, até ela vai por esse caminho, mas por que a gente pensa doença sim né.
Nós nunca temos a doença como alguém que nos convida a refletir e elaborar sobre como nós estamos vivendo.
O que eu fiz isso, eu não respeitei Meu pai minha mãe, que eu fiz coisas erradas na empresa.
A maturidade faz você pensar sobre isso, é o esforço da pessoa faz

 

Veja Também:

 

Precisamos falar sobre gratidão

 

Você se considera uma pessoa grata?

Gratidão floresIsso mesmo, grata pela sua casa, por sua família ou até mesmo por sua saúde?
Falamos sobre tantas coisas supérfluas no dia a dia, como por exemplo daquele acidente grave que parou a rodovia perto de casa, da corrupção que invadiu os noticiários e até mesmo daquela cena marcante da novela das 8, mas comentamos tudo de uma maneira negativa sem se dar conta que situações como essa são típicas de pessoas que estão no modo do piloto automático.
Aí você pergunta: http://tvmundomaior.com.br/editorial/precisamos-falar-sobre-gratidao/

 

echo ‘

Alzheimer

Comments

comments

Deixe seu comentário:


Clique aqui