TV Mundo Maior Um encontro no jardim. - TV Mundo Maior

Editorial

Um encontro no jardim.

Enviado em 12 de outubro de 2017 | Publicado por TV Mundo Maior

É comemorado hoje 300 anos da aparição da imagem de Nossa Senhora Aparecida nas redes de pescadores no rio paraíba. Nesta data também é festejado o dia das crianças.

Neste feriado nacional lembrem-se de cuidar de nossas crianças, ensinar, levar a fé e principalmente amá-las, pois o maior presente é o amor para elas que serão o futuro do Brasil.

O conto abaixo descreve a história da menina Teresa que com a força da fé e do amor presenteou os pais, no dia de seu próprio aniversário, com uma incrível lição de vida.

 

Um encontro no jardim.

 

Era uma manhã muito ensolarada na comunidade de Heliópolis, zona sul de São Paulo. Doze de outubro, dia das crianças e para comemorar uma ONG passava essa data especial entregando brinquedos como bolas, bonecas, carrinhos, entre outros que traziam diversão e alegria para a comunidade.

Dentre as milhares de famílias que moravam ali tinha uma em especial, a da menina Teresa, que fazia hoje 5 anos. Jorge, Joana eram seus pais e neste feriado estavam preocupados e tristes, pois passavam por momentos muito difíceis. Jorge estava desempregado e fazia pequenos serviços de conserto para moradores da própria comunidade e ajudava na manutenção de uma igreja,  Joana trabalhava como doméstica para uma família do Morumbi e não ganhava muito, além de estar sustentando a família. Eles lutam muito para a educação de Teresa e nunca deixaram ela passar fome, mas estavam hoje muito tristes por não terem dinheiro para comprar um presente de aniversário e dia das crianças para a filha.

Joana era de família católica, Jorge por trabalhar na igreja se considera evangélico, porém abos não frequentavam ou tinham muita fé. Eles apenas tinham na sala uma bíblia aberta e uma imagem antiga de Nossa Senhora Aparecida deixada pela avó da criança.

-Teresa era muito inteligente e tinha uma serenidade muito grande, era a luz no caminho dos pais. Ela no fundo sabia que eles não teriam dinheiro para comprar um presente, mas estava triste em vê-los com uma expressão de decepção.

– Mamãe eu vou brincar com a Eduarda e vamos pegar brinquedos lá embaixo.

A menina acordou tomou seu café, recebeu muitos beijos de seus pais e sem cobrança alguma emanava felicidade ao ir brincar com a amiga de 10 anos. Ambas estavam ansiosas para pegar um brinquedo da ONG.

– Cuidado minha filha. Esperamos para o almoço. – Gritou a mãe da porta de casa enquanto via a filha descer as ruas em direção a praça onde estavam os voluntários fazendo a distribuição.

As meninas estavam na praça e tinham ganhado uma boneca. Eduarda estava com alguns outros amigos, foi então que Teresa se distanciou um pouco e sentou perto de uma jardim feito com pneus pelos próprios moradores de Heliópolis que sempre cuidavam da praça.

– Olá linda menina. – A pequenina ouviu aquela doce voz e virou-se, ainda abraçada a sua boneca.

– Oi moça.

– Posso brincar com você?

– Pode sim. Olha o que eu ganhei de aniversário.

A menina mostrava o brinquedo com um sorriso no rosto.

– Meus parabéns.

A moça negra, alta, com um leve e simples vestido azul passava a mão acariciando os cabelos da menina.

– Qual seu nome moça? Perguntou a criança com aquela voz amigável.

– Meu nome é Maria. – Respondeu.

– Teresa. Disse rapidamente a pequenina com seu sorriso voltando a mexer na boneca que acabara de ganhar.

Eduarda de longe gritou para a menina:

– Está falando sozinha?

A pequena virou a cabeça e disse em tom baixo, porém que pode ser ouvido por sua amiga:

– É minha nova amiga.

Ela voltou o olhar para as flores, a boneca e como disse, sua nova amiga Maria.

– Menina Teresa, eu queria muito conhecer seus pais, mas eu terei que partir. Queria que falasse uma coisa à eles.

– Você conhece eles? – Interrompeu a criança.

– Sim. E sei que eles estão tristes hoje.

– Eu sei moça, mas eu não ligo para presente. Acho que eles não sabem disso né. Gosto tanto do abraço da mamãe. – Novamente Teresa interrompeu a fala de Maria.

– Você conhece o Papai do Céu, Teresa? – A menina fez que sim com a cabeça lembrando de suas orações para Ele antes de dormir. – Ele vai ficar feliz se você contar para o papai e para mamãe que você quer um abraço e que você ama muito eles.

– Amo sim. – Disse a menina sorrindo.

– Eu terei que ir, mas foi bem legal brincar com você. E diga para mamãe lembrar de mim e do Papai do Céu, ta.

A menina abraçou a moça, e disse com sua doce voz “Eu te amo”.

Teresa então pegou sua boneca e correu para sua casa que não ficava tão longe da praça, abraçou sua mãe e contou toda a história. Seus pais começaram a chorar de emoção pelas palavras da filha, foi então que Joana olhou para o balcão da sala e viu a imagem de Nossa Senhora de Aparecida  abraçando mais ainda a filha.

A família passou um ótimo dia juntos com muita felicidade e principalmente amor.

 

Para saber mais sobre o assunto, assista:

Mundo Maior Repórter: Crianças da Nova Era

Parte 1

Parte 2

Parte 3

Parte 4

 

Fontes: Imagem ilustrativa retirada de Pinterest (Reprodução WordPress.com).

*Este texto é de responsabilidade de seu autor. Não representa necessariamente a opinião da TV Mundo Maior.

Escrito por: Ricardo Guelfi de Souza

Estudante de Jornalismo na Universidade Anhembi Morumbi. Estagiário de Marketing na TV Mundo Maior.

 

Comments

comments

Deixe seu comentário:


Clique aqui