TV Mundo Maior O Cristo está na terra - TV Mundo Maior

Editorial

O Cristo está na terra

Enviado em 13 de julho de 2017 | Publicado por TV Mundo Maior

Ninguém foi criado para a dor. Em nosso estágio, entretanto, ela se impõe como bendita artífice de nossa fé. O sofrimento tem essa propriedade de penetrar as camadas mais profundas da alma. O esforço para amenizá-lo e extingui-lo, dilacera a carapaça da ilusão e faz-nos perceber claramente o quão frágeis somos.

Esta fragilidade reconhecida, deixa emergir o pedido silencioso da alma na busca de força e amparo. Isso é a fé. A busca do Colo Paternal de Deus para descansarmos de nossa loucura milenar. Nesse movimento, instintivo de defesa, descobrimos facetas ignoradas do nosso Ser Espiritual. Tomamos contato com o mundo desconhecido de nossas imperfeições e educamo-nos para sermos melhores.

“Inspiração divina, a fé desperta todos os instintos nobres que encaminham o homem para o bem. É a base da regeneração.”

O distintivo da regeneração é a fé, única força capaz de nos libertar das amarras da provação e levar-nos a galpar as lições. Sem fé, nos manteremos cativos nos regimes da expiação. A fé é o combustível do ato de existir e cooperar na Obra Cósmica de Nosso Pai. É a alma do universo. Fé é o sentimento do Criador. Todos têm depositado em gérmen essa semente da existência. Por ela, falamos com Deus.

“No homem, a fé é o sentimento inato de seus destinos futuros; é a consciência que ele tem das faculdades imensas depositadas em gérmen no seu íntimo, a princípio em estado latente, e que lhe cumpre fazer que desabrochem e cresçam pela ação da sua vontade.”

Qual de nós, porém, têm essa fé no bem? Como caminhar sem o otimismo de acreditar em dias melhores? Como conviver sem tecer a confiança, qualidade essencial para que as uniões sejam fontes abundantes de bens imperecíveis? Quantos são capazes de bancar a crença na justiça ante as impiedosas ameaças? Como acreditar no próximo ante tantas decepções? Quantos de nós iluminados pelas claridades do espiritismo, velam com o Cristo enquanto a embarcação das provas terrenas é abalada pelas tempestades da ignorância e da maldade? Quem tem buscado a onda mental do Senhor?

Não haverá paz na humanidade se não acreditarmos em Deus. Não haverá fraternidade no mundo se não acreditarmos uns nos outros. Inúmeros de nós, os adeptos do Cristo, acreditamos que acreditamos! Acreditamos que temos fé! A mente do Cristo é o ponto de equilíbrio para a transição. Sem ela, a terra nada mais seria que um turbilhão de maldade e escravidão. Procuremos, todos nós, a onda mental do Cristo. Ela está na terra. Como o pai do menino adoecido, com os olhos marejados de lágrimas, nós repetimos de joelhos como faziam os cristãos primitivos: “Eu creio, Senhor! Ajuda a minha incredulidade!” Sobretudo pastor Divino, dai-nos coragem e força para acreditarmos uns nos outros pelo bem de Tua obra entre nós. Ave Cristo! Os que te amamos assim te saúdam Senhor.

Da amante do bem e servidora do Cristo, Maria Modesto Cravo. De agosto de 2006.

(Fonte: “Quem sabe pode muito. Quem ama pode mais”, autor Wanderley Soares de Oliveira, espírito José Mario)

Deseja adquirir esse livro para continuar a leitura? Basta acessar: https://www.mundomaior.com.br e comprar o seu!

Para saber mais sobre outro assunto relacionado ao tema, assista:

Fé Raciocinada – Espiritismo no Lar: Richard Simonetti 

 

Comments

comments

Deixe seu comentário:


Clique aqui