TV Mundo Maior Animais enxergam espíritos? - TV Mundo Maior

Editorial

Animais enxergam espíritos?

Enviado em 14 de março de 2017 | Publicado por TV Mundo Maior

Não só vêem mas também sentem a presença de espíritos. Não que eles sejam médiuns ou mais evoluídos que nós, existe uma diferença muito grande, médium é um intermediário entre o espírito desencarnado e o espírito encarnado.

Os animais têm a sensibilidade mais aflorada, então eles sentem a presença de algo ruim ou bom.

Existem alguns casos relatados de pessoas que viram o seu animal de estimação ficar irritado sem motivo algum e até mesmo latir para a parede.

Isso pode significar que alguma energia ruim está presente naquele espaço.Não necessariamente é um espírito desencarnado, pode ser também algum fluido bom ou ruim deixado por alguém encarnado ou desencarnado.

Não fique assustado ou preocupado com seu animal, a natureza criada por Deus é algo belíssimo e tudo tem um motivo e uma causa, se eles têm essa capacidade de sentir ou ver o plano espiritual com certeza tem um motivo.

Algumas pessoas acreditam que eles conseguem captar essa energia emanada para que ela não chegue até nós, para nos proteger e proteger a nossa casa.

Mas isso não quer dizer que os animais têm alma como nós humanos, eles têm apenas um princípio inteligente que é a alma rudimentar, que se humanizará com o tempo.

A diferença entre a alma do animal para a alma do homem é como a nossa alma com a de Deus.

No livro dos Espíritos diz:

“Deus deu ao homem um poder sobre todos os seres vivos, que ele deve usar para o bem e não abusar. Pode regular a reprodução segundo às necessidades, mas não entrava-lá sem necessidade.

A ação inteligente do homem é um contrapeso colocado por Deus para restabelecer o equilíbrio entre as forças da Natureza e isso ainda o distingue dos animais, porque o faz com conhecimento de causa.

Mesmo os animais concorrem igualmente para esse equilíbrio, porque o instinto de destruição que lhes foi dado faz com que, ao proverem à sua própria conservação, detenham o desenvolvimento excessivo, e talvez perigoso, das espécies animais e vegetais de que se nutrem.”

*Este texto é de responsabilidade de seu autor. Não representa necessariamente a opinião da TV Mundo Maior.

Haila Vicente

Estudante de Rádio, TV e vídeo na FIAM FAAM – SP.

Praticante da Doutrina Espírita – Formada no curso de Orientação e Educação Mediúnica no Centro Espírita GEBEM – Guarulhos SP.

Nas horas vagas gosta de assistir filmes, ler livros.

 

Para saber mais sobre o assunto, assista:

Animais enxergam espíritos? – Mistérios

Parte 1

Parte 2

Parte 3

Comments

comments

Deixe seu comentário:


Clique aqui